conheça nossas cervejas


marx.jpg

marx/ipa

Encorpada e avermelhada, segue a tradição das IPAs, com maltes bem presentes. Seu corpo vem de seis maltes distintos – Maris Otter, Carared, Cristal dark, Cristal 120, Chateau Arome e Pilsen –, combinados harmonicamente para dar força e destaque a sua lupulagem particular. A combinação dos clássicos Summit, Chinook e Citra é capaz de trazer desde sabores apimentados aos mais frutados e cítricos. Perfeita para acompanhar carnes e assados.

trotsky.jpg

trotsky/red ale

Pouco ortodoxa, esta receita foge das tradicionais red ale. Para além de seus cinco maltes, que trazem o sabor caramelado e o tom avermelhado típicos do estilo, brilham os lúpulo frescos americanos columbus e Amarillo, que têm como características principais um potente amargor com toque herbal (Columbus) e aromas cítricos (Amarillo). Como resultado, oferece um frescor pouco usual às red ales.

rosa.jpg

Rosa/altbier

O terceiro rótulo da “linha vermelha” da Tito Bier  apresenta um clássico estilo alemão, algo esquecido, originário da Westfália. Uma altbier que combina a suavidade de seus maltes com a provocação herbal dos lúpulos Magnum e Saaz.

GOETHE.jpg

goethe/kölsch

Tradicional receita da cidade de Colônia (Alemanha), esta é a primeira cerveja brasileira feita exclusivamente com malte kölsch. Seu lúpulo – Hallertauer – usado de forma respeitosa e assertiva traz o amargor necessário sem, no entanto, tirar o brilho e o frescor do malte. Uma ótima cerveja para um dia de sol.

vera.jpg

vera rubin/stout

Com seu corpo equilibrado e harmonioso, espuma cremosa, seu sabor que remete ao café e ao chocolate enquanto os lúpulos orbitam a picância do Willamete e a citricidade do Centennial. 

thoreau.jpg

thoreau/apa

Nossa homenagem aos 200 anos do pensador Henry Thoreau, esta singlehop de Comet traz uma explosão de frescor deste lúpulo, remetendo a manga e maracujá e final cítricos e seco - resultando em uma cerveja leve e refrescante, com drinkability nas alturas.